Notícias

Novembro Azul, o mundo em prol da saúde do homem

06/11/2017 17:22:49

O Novembro Azul teve início em uma conversa descontraída entre amigos na Austráli, em 1999, motivada pelo Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata (17 de novembro). Atualmente, a campanha não é somente um lembrete para se fazer os exames de rotina, a ideia é aproximar o homem dos cuidados médicos de uma forma geral, com ações de conscientização e de responsabilidade social.

Especialistas acreditam que o esforço vem trazendo resultados benéficos à saúde masculina. “Quando o homem procura seu médico, ele não está apenas preocupado com a próstata, mas com a saúde de todo o seu organismo. Apesar disto, percebemos que quando o assunto é a glândula prostática os homens ainda possuem muitas dúvidas”, afirma Carlos Eduardo Santin (CRM-PR 25983/RQE 18909), urologista do corpo clínico do Complexo de Saúde Hospital Pilar.

Manter o acompanhamento constante e fazer a avaliação regular da próstata é fundamental. De acordo com vários estudos, quando o tumor é diagnosticado nas fases iniciais, há boas chances de cura.

Uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos, cereais integrais e com pouca gordura, principalmente as de origem animal, também ajuda a diminuir o risco de se desenvolver o câncer de próstata. Com esta finalidade, também é frequentemente indicado fazer pelo menos 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar.

Recomenda-se aos homens que procurem o urologista anualmente a partir dos 50 anos. Contudo, pacientes que possuem histórico familiar da doença devem iniciar estas visitas a partir dos 45 anos de idade, alerta Santin.

Fonte: Anúncio Gazeta do Povo

 

voltar